terça-feira, 15 de junho de 2010

PT de Imperatriz diz que não vai obedecer direção nacional.




O PT de Imperatriz jogou hoje mais oxigênio na grande fogueira que se transformou a sucessão estadual do Maranhão. Reunidos na noite de ontem, dirigentes e militantes petistas decidiram desobedecer à decisão do Diretório Nacional do partido e manter o apoio à candidatura do deputado federal Flavio Dino (PCdoB). Hoje, o partido apresentou uma Carta ao Povo do Maranhão dizendo que não vai votar em Roseana Sarney (PMDB).

De acordo com o documento, “o Diretório Nacional do PT decidiu pela aliança com o PMDB no Maranhão, atropelando a decisão democrática tomada pelos delegados em nosso Encontro Estadual, mas nós dizemos NÃO a esse acordo que fere a dignidade e a história do PT no Maranhão”.

O PT maranhense tem tentado de todas as maneiras denunciar o que eles consideram um golpe da direção nacional contra o partido no Maranhão. Em encontro estadual no mês passado, os delegados petistas decidiram por 87 votos que deveria ser feita coligação com PCdoB e PSB. A tese de apoio ao PMDB teve 85 votos e foi derrotada. Mas, o diretório nacional decidiu anular a decisão estadual e impor a coligação com Roseana Sarney.

Desobediência

Uma das maneiras encontradas pelos dirigentes petistas foi fazer greve de fome para denunciar o caso e esperar que ele tenha alcance nacional. O deputado federal Domingos Dutra iniciou uma greve de fome tão logo foi anunciada a decisão da direção nacional em coligar com o PMDB. No mesmo dia, aderiu à greve de fome o líder camponês Manoel da Conceição. Ele é fundador do PT e é hoje o mais importante símbolo do partido na luta pelos direitos humanos. No início da noite de ontem também aderiu à greve de fome a ex-deputada federal Terezinha Fernandes.

Os dirigentes petistas de Imperatriz ainda não sabem qual vai ser a posição a ser tomada pela direção nacional contra o ato de desobediência iniciado hoje, mas garantem que não vão obedecer a decisão nacional.

Fonte: Correio de Imperatriz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após moderação.