quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Do blog do Miro: Petkovic faz golaço em Ana Maria Braga.


"A apresentadora global Ana Maria Braga adora o consumismo capitalista e nunca escondeu a sua rejeição às idéias de esquerda. Mas, geralmente, ela exagera nas suas paixões. No seu programa da TV Globo da semana passada, ela entrevistou o jogador sérvio Dejan Petkovic, atual campeão pelo Flamengo e craque reconhecido por todos os apreciadores do futebol. A entrevista até que ia bem, quando ela não se conteve e disparou: “Como foi nascer num país com tanta dificuldade?”.Petkovic, que é bom de bola e de cabeça, não vacilou e marcou mais um golaço: “Quando nasci não tinha dificuldade nenhuma. Era um país maravilhoso, vivíamos um regime socialista, todo mundo bem, todos tinham salário, todos tinham emprego. Os problemas aconteceram depois dos anos 80”. A apresentadora engoliu a seco e prosseguiu a matéria. Sua assessoria devia, ao menos, ter pesquisado as posições progressistas do jogador para evitar mais esta pisada de bola."


COMENTÁRIO: Não é a primeira vez que vejo e leio elogios de atletas, artistas e intelectuais do leste europeu quando o assunto é a comparação entre a qualidade de vida na época do socialismo com a que vivem hoje. A questão que me parece pertinente perguntar é: o que aconteceu com esses países do leste europeu após a queda do "Muro de Berlin"? Tentam nos vender a idéia de que "tudo melhorou" com a "liberdade do mercado". Há pouco exame crítico sobre esse aspecto da luta de classes contemporânea. Pelos depoimentos como esse do Petkovic parece que a situação piorou e muito.

Destaco nesse sentido o filme "Adeus Lênin!" (2003) do diretor alemão Wolfgang Becker. Comédia inteligentíssima onde a fantasia comunista da Alemanha Oriental é menos cruel que a realidade do recente capitalismo ocidental.

Esse golaço do Petkovic foi um dos mais bonitos que já vi. Parabéns de um vascaíno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após moderação.