quarta-feira, 6 de maio de 2009

Até Lula veio! E João Castelo?


O estado está em calamidade por causa das chuvas. Cerca de quarenta prefeitos, a governadora, o presidente da assembléia legislativa, deputados federais, senadores e até o mais popular presidente da república, o Lula, estiveram em São luís para tratar do assunto... Mas onde estava o prefeito arqui-reacionário João Castelo? Por acaso São Luís está isenta dos problemas ralacionados às chuvas? Ou será - como disse Anselmo Raposo em seu blog - que os "buracos nas ruas impediram sua chegada ao aeroporto"?


É muito grande a distância entre as promessas eleitorais de Castelo e a dura realidade da cidade. Apenas cinco meses atrás Castelo se apresentava como administrador competente que iria construir grandes hospitais, acabar com as favelas (lembram do "Favela Zero"!), combater os efeitos da crise econômica gerando milhares de empregos e, pasmem, que Lula era seu amigo e o ajudaria a governar. Bastaram cem dias de governo, algumas chuvas, um secretariado incompetente e uma filha descontrolada pelo poder político, para levar por água abaixo o sonho da idosa que queria ter de volta o feijão barato do "Bom Preço".

Na verdade o governo de Castelo não existe para a população. É um governo medíocre, sem perspectivas administrativas, sem planejamento e que tenta esconder sua incompetência atrás de desculpas esdrúxulas e de uma mídia fâmula. Aquela mesma que encheu recentemente as burras nos cofres da viúva e outros novos que entraram no 'jabá' da prefeitura.


São Luís é uma cidade em transe. Embora chova todos os dias não tem abastecimento de água em 2/3 da cidade. Não tem esgotos nem na periferia nem nos bairros nobres. As ruas não tem asfalto e as que tinham já não possuem mais. O transporte público é caro, ineficiente, mal conservado e inseguro. As vias estão estranguladas pelos engarrafamentos cada vez maiores. O desemprego e o sub-emprego empurram milhares para a indigência. Essa é a cidade real. Esses são seus impasses. A cidade não pode e não quer esperar. O tempo da cidade é o tempo da urgência.


A cidade está em calamidade pública. O prefeito é o chefe do executivo. Na república o poder tem esse nome exatamente porque deve agir, fazer, executar. A cidade tem pressa. Precisa viver. Quer transporte, saúde, educação, asfalto, esgoto, água... A cidade tem seu próprio tempo e não pode ficar a mercê de uma burocracia municipal ineficiente dizendo para esperar...


São Luís quer viver, mas é prisioneira de uma oligarquia política atrasada, viciada e incompetente. Esses pouco mais de cem dias de governo Castelo serviram para mostrar que as contradições e os impasses da cidade vão se aprofundar... Até quando a cidade vai aguentar? Isso nós veremos.

11 comentários:

  1. de fato capovilla são luis não vai aguentar muito. é preciso a ilha se rebelar à esquerda.

    abraço a todos

    ResponderExcluir
  2. até lula veio oh véio. ha ha ha, porque vocês servem ao mesmo senhor.
    Castelão, ponte Bandeira Tribuzi, Italuis. etc, ele sempre fez ele sempre fará. Depois da chuva não vem a bonança.

    ResponderExcluir
  3. Caro Marden..

    Além de tudo Castelo é um político tosco. Por isso perdeu todas as eleições majoritárias que disputou. Menos a última, através de crimes eleitorais.
    Aposto que o governo dele será igual ao anterior (Gardênia). De fato é um incompetente notório.

    ResponderExcluir
  4. Sr. Cid, nessa história toda quem é fâmulo é o sr. Castelo !!!
    Pelo menos concordamos em alguma coisa: "Castelo sempre fez (corrupção, autoritarismo, incompetência, nepotismo, crimes eleitorais)e ele sempre fará" !!!

    Saudações.

    ResponderExcluir
  5. Desconhecido juiz elege-se deputado federal, como mesmo? Moderna é a Coréia do Norte, Cuba

    ResponderExcluir
  6. Surpresa!!!!!
    Passando só pra deixar um beijo...
    De fato, acredito que a ruína de Castelo será ele próprio, com todo seu atraso e incompetência.

    ResponderExcluir
  7. Caro Anônimo.

    O 'Desconhecido juíz' que se refere, é desconhecido dos círculos que vc costuma frequentar. Mas se resolvesse sair do seu 'Castelo' com certeza já teria ouvido falar. Se elegeu a deputado federal com 120 mil votos sendo quase 30 mil em SLZ! Menos de dois anos depois foi candidato a prefeito de SLZ (contra o governo da 'frente' e de Sarney, que no 2º turno se uniram para derrotar a esperança)e obteve 210 mil votos´!!!
    Quanto à Cuba e Coréia do Norte eu não sei...Mas quanto a governadores biônicos que foram autorgados ao poder por uma junta de militares corruptos e torturadoes isso eu sei... Foi o João Castelo !!!

    ResponderExcluir
  8. Minha querida Thaís.

    Faço minhas às suas palavras...

    ResponderExcluir
  9. Não é 'autorgados' como digitei errado na resposta ao sr. anônimo, mas sim outorgados.

    ResponderExcluir
  10. É....! Capovilla, voce tirou as palavras da minha boca....na verdade esse anonimo, parece que nao tava nesse mundo e nem quer estar, até mesmo pq se apresenta como "anonimo". Certamente é um covarde e tem medo de mostrar a cara e emitir opiniao...se é que ele sabe emitir opinião! pelo visto, não!

    ResponderExcluir
  11. Pois é Lucenilton. Não há razão para se esconder, afinal trata-se de argumentos e idéias. Mas pensando bem isso lembra a postura do Castelo que ficava fugindo dos debates... Até aquele que não conseguiu fugir e todo mundo viu o tamanho da sua incompetência !

    Obrigado pelo comentário.

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após moderação.